CORO MADRIGAL

Regente Paulo Queiroz Jr.

               Fundado em julho de 1989 pelo então estudante universitário de Música da UNIRIO o Maestro Daniel Rufino Afonso Júnior, hoje Mestre e Doutor em regência, Diretor de Coros e atividades Vocais do Departamento de Música da Universidade Stanislaus na California, EUA, para onde se transferiu para continuar seus estudos e onde reside atualmente, o Madrigal da Igreja Batista do Meier já teve como regentes, durante seus 27 anos de existência, os seguintes Maestros: Geraldo Caputo (em caráter provisório por dois períodos), Marcos Gatz, a Maestrina Rosângela Santana Jesuíno (em caráter provisório por dois períodos), Maurílio dos Santos Costa (de 1997 a 2005), Jefferson Dias (de 2006 a 2008) e atualmente o Maestro e Ministro de Música da Igreja Batista do Méier, Paulo Queiroz, desde o ano de 2009. 

               Criado para o louvor da Glória do nosso Deus, sem o qual a existência do grupo não teria qualquer sentido, o Madrigal tem como objetivo principal exercer sua missão na ministração do Louvor buscando o seu melhor tanto em termos Espirituais, promovendo o crescimento Espiritual de seus integrantes, bem como em termos técnicos na preparação de seu rico e diversificado repertório que inclui peças Sacras de vários estilos e épocas, buscando executar louvores com excelência em qualidade, dedicando-os aquele que é a razão de nossa existência e Digno de Todo o Louvor. 

               Além de se apresentar em Igrejas evangélicas das mais diversas denominações, o Madrigal também é aberto a apresentações em outros espaços culturais, teatros, shoppings, escolas de música, etc.

Outras Considerações:

               Inicialmente recebeu o nome “Madrigal Jovem”, tendo em vista o número inicial de componentes que era de aproximadamente 16 cantores com até 31 anos de idade. Logo após sua fundação, esta marca dos 16 foi logo ultrapassada chegando a ter até aproximadamente 35 componentes ao longo de sua existência, descaracterizando tecnicamente o número ideal para a formação ”Madrigal”. Portanto, apesar de, desde então, já sermos classificados como Coro, o nome “Madrigal” se consagrou e somos hoje o Coro Madrigal da Igreja Batista do Méier. Contamos atualmente com aproximadamente 35 componentes efetivos incluindo regente e pianista, independente da faixa etária, escolhidos pelo seu regente.

               Apesar da permanência ininterrupta de 3 dos membros fundadores ao longo de sua existência (Carlos, Kedma e Sonia), o Madrigal se tornou um coro com alta rotatividade de coristas devido, principalmente, as características do trabalho proposto desde a sua fundação, um trabalho diferenciado em relação ao praticado usualmente em musica coral nas igrejas, executando, na sua maior parte, um repertório que requer uma maior preparação técnica/vocal e maior dedicação dos cantores nos ensaios para o alcance do objetivo proposto. Atualmente contamos com 4 membros fundadores (Carlos, Kedma, Sonia e Mary Rute).

               Em função da dificuldade inicial, devido as características do trabalho proposto, de se manter um grupo base permanente somente com membros de nossa igreja com um número mínimo necessário de componentes, se tornou necessário a admissão de cantores de outras igrejas que se identificavam com o tipo de trabalho proposto e se interessavam em participar. Atualmente contamos com 10 integrantes nesta situação.

               O Coro Madrigal é um grupo de vozes mistas selecionadas, regidas por Danielle. Formado por membros da Igreja  e convidados, tem como objetivo o louvor ao Senhor nas celebrações da Igreja bem como participações fora dela.

               Seu diferencial está na execução de repertório sacro/erudito em outras línguas além do repertório sacro usual em nossos cultos.

CONTATO

Rua Hermengarda, 31 - Méier

Rio de Janeiro/RJ

CEP 20710-010
 

Tel: (21) 2599 - 3000

REDES SOCIAIS
  • Facebook - White Circle
  • Twitter - White Circle
  • YouTube - White Circle
  • Instagram - White Circle
  • Flickr - White Circle
RECEBA AS NOVIDADES

®2017 Igreja Batista do Méier